País

Aeronáutica investiga causas da queda de bimotor em Belo Horizonte

A Aeronáutica está investigando as causas da queda de um avião bimotor, neste domingo (7), em um bairro residencial de Belo Horizonte (MG). O acidente causou a morte dos três ocupantes da aeronave e feriu um morador de uma das duas casas atingidas.

Três militares do Terceiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa) foram deslocados ontem mesmo, do Rio de Janeiro, para a capital mineira. Nesta segunda-feira mais dois técnicos viajarão para Belo Horizonte.

O avião bimotor, prefixo PR-AVG, modelo BE 90 King Air, pertencia à empresa Atlântica Coffe, especializada na exportação de café com sede na capital mineira. Segundo a Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a aeronave decolou do Aeroporto da Pampulha às 15h20 e caiu, em seguida, no Bairro Minaslândia. Na queda, atingiu partes de duas casas antes de pegar fogo, logo controlado pelo Corpo de Bombeiros. A Infraero informou ainda que no momento do acidente o tempo estava bom.

O Centro de Comunicação Social da Aeronáutica destacou que, para preservar ao máximo o local do acidente, militares participaram da coordenação dos trabalhos de resgate às vítimas e de combate ao fogo. As casas atingidas e o trânsito permanecem interditados.

A investigação de todos os fatores que contribuíram para o acidente não tem prazo para ser finalizada. A assessoria da Aeronáutica destacou que o trabalho dos militares não é apontar responsáveis, mas identificar as causas e recomendar mudanças que ajudem a evitar outros acidentes e tornem a aviação mais segura.

Procurada pela Agência Brasil, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou que de acordo com o Registro Aeronáutico Brasileiro a aeronave estava com a Inspeção Anual de Manutenção e com o Certificado de Aeronavegabilidade em dia.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2016 EM TEMPO Online. Todos Os Direitos Reservados.

Subir