Sem categoria

Acidente: carro colide com caçamba na AM-010 e deixa um morto

O fato aconteceu por volta de 12h30, na rodovia AM-010 - foto: André Moreira

O fato aconteceu por volta de 12h30, na rodovia AM-010 – foto: André Moreira

O médico Grimaldo Esguardo Mendonza Solari, 45, morreu, no início da tarde desta terça-feira (1º), após colisão entre o carro que dirigia – um Polo preto de placa OAL 7267 – e uma caçamba de placa DAN 9090. O fato aconteceu por volta de 12h00, no quilômetro 19 da rodovia AM-010 (Manaus-Itacoatiara), próximo ao aterro sanitário, quando os veículos colidiram frontalmente durante ultrapassagem.

Na ocasião, o caminhão vinha de Rio Preto da Eva (a 57 quilômetros de Manaus) em direção à capital, carregando aproximadamente três toneladas de areia, quando houve a colisão entre os dois veículos.

Segundo informações repassadas pelo Corpo de Bombeiros, que atendeu a ocorrência, o motorista da caçamba, identificado como Marcio Reis dos Santos, 32, sofreu escoriações e foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ele foi levado ao Hospital e Pronto Socorro Dr. João Lúcio, na Zona Leste, onde passou por avaliação e já recebeu alta.

Ainda conforme a corporação, marcas de ultrapassagem foram deixadas na pista. Após a chegada da perícia, o corpo do médico que se encontrava preso dentre as ferragens foi retirado.

A perícia da Polícia Civil investiga as circunstâncias do acidente. Há suspeita de que o pneu do caminhão tenha furado e o motorista da caçamba tenha perdido o controle do veículo.

Segundo nota emitida pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (Susam), o médico estava se deslocando a caminho do município de Silves (a 204 quilômetros da capital), onde atuava como clínico geral desde 2010, para cumprir escala de atendimento no hospital do município.

Em nota, o Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam) também lamentou a morte de Mendonza Solari, fazendo críticas ao Governo do Estado pela ausência de regulamentação na carreira de médico no Amazonas.

Por Equipe EM TEMPO

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir