Economia

Abates de bovinos, suínos e frangos têm queda, diz IBGE

Os três principais abates da pecuária brasileira registraram queda no primeiro trimestre de 2016 em relação aos três últimos meses de 2015, informou nesta quinta-feira (16) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da pesquisa que mede a produção da pecuária no país. Apenas o setor bovino também caiu quando os números são comparados com janeiro, fevereiro e março do ano passado.

Bovinos

O abate de bovinos teve queda de 5,2% na comparação com o fim de 2015 e também registrou retração, de 5,8%, ante o primeiro trimestre de 2015. Em janeiro, fevereiro e março deste ano foram abatidas 7,29 milhões de cabeças de bovinos.

Também houve queda na aquisição de leite, que recuou 6,8%, na comparação com o último trimestre de 2015, e 4,5%, em relação ao mesmo período do anterior. Em números absolutos, a queda frente ao início de 2015 chegou a 274,71 milhões de litros de leite, reduzindo o total contabilizado para 5,86 bilhões de litros.

A aquisição de couro cresceu na comparação com o mesmo período de 2015, com uma alta de 2%. Apesar disso, também houve queda em relação ao fim de 2015, com um recuo de 0,4%.

Frangos

Nos primeiros três meses de 2016, o abate de frangos sofreu queda de 1,8% em relação ao fim de 2015, mas teve um crescimento de 7,1% quando levada em conta a produção do início de 2015. O número de cabeças de franco abatidas foi de 1,48 bilhão nos três meses pesquisados.

A produção de ovos registrou alta nas duas bases de comparação, mas esse movimento foi mais forte em relação ao início de 2015, com crescimento de 6%. Na comparação com o fim de 2016, o avanço foi de 0,1%. Nos três meses pesquisados, o Brasil produziu 784 milhões de dúzias de ovos.

Suínos

A queda no abate de suínos, assim como o de frangos, se deu apenas na comparação com o trimestre que encerrou 2015, e foi de 1,5%. Se o primeiro trimestre deste ano for comparado com o mesmo período do ano passado, , houve crescimento de 9,6%. Entre janeiro e março deste ano, o Brasil abateu 10,06 milhões de cabeças de suínos.

Por Agência Brasil

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir