Política

A pedido de Lula, CUT cancela ato em sua defesa que seria realizado em SP

A Frente Brasil Popular cancelou, nesta quarta-feira (6), o ato em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que estava programado para se realizar no sábado (9), no vale do Anhangabaú, em São Paulo.

Segundo os organizadores, Lula recebeu um convite para viajar no mesmo dia para o Recife -buscar apoios no Nordeste é parte da estratégia do governo para tentar barrar o processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara.

Além disso, artistas convidados para o ato não haviam confirmado presença.

Integrantes dos movimentos de esquerda admitem, porém, que há rumores de que, às vésperas do ato, uma operação da Lava Jato possa ter como alvo sedes de sindicatos filiados à CUT.

Representantes de grupos contrários ao impeachment também reclamaram da convocação de um novo ato -o que, segundo eles, requer estrutura.

Prevaleceu o argumento de que é preciso concentrar esforços na semana da votação do pedido de impeachment da presidente; o relatório da comissão especial deve ser votado no órgão na próxima segunda-feira (11).

Comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Subir